quinta-feira, 22 de maio de 2014

A CRISE É DE VASO, E NÃO DE AZEITE

Azeite

A CRISE É DE VASO, E NÃO DE AZEITE.
Jonas Dias de Souza[1]
Azeite e Vaso são duas palavras bem conhecidas do povo de Deus. E neste tempo de teologias da prosperidade, tem achado lugar em quase todas as bocas e púlpitos.  Azeite e vaso, são palavras ouvidas nos mais variados contextos.
Mas, sérias reflexões se fazem urgentes para que possamos compreender de fato o que vem a significar azeite e vaso. O azeite é biblicamente falando o

terça-feira, 20 de maio de 2014

Os passos do filho pródigo: Ele deu sete passos para cair em desgraça. E agora?





Os passos do filho pródigo: Ele deu sete passos para cair em desgraça. E agora?
Jonas Dias de Souza[1]
Para entender este texto é fundamental a parábola do filho pródigo, que pode ser encontrada no livro de Lucas 15: 11-32.
Podemos enumerar os catorze passos que o filho pródigo deu, desde sua entrada no pecado saindo da casa do pai, até o seu retorno. Esta sim é uma demonstração de conversão, que implica numa guinada de 180 graus.
O primeiro passo foi a exigência que ele fez a seu pai. Ainda em vida, seu pai teve que lhe dar a parte da herança. Ainda hoje vemos filhos que exigem dos pais a sua parte na herança. A ganância é tanta que histórias de apressar a morte dos pais não é novidade.
O segundo passo foi a

SOBRE ARREPENDIMENTO E COISAS AFINS

Arrependimento
SOBRE ARREPENDIMENTO E COISAS AFINS
Jonas Dias de Souza[1]


No correr de nossa vida praticamos coisas que nem sempre podemos nos orgulhar. Desde as pequenas mentiras pueris, passando pela desobediência aos pais, até coisas que temos vergonha de narrar.
Após estes atos  não nos orgulhamos, experimentamos o tribunal de nossa consciência. Este sentimento de culpa, de vontade de reescrever o passado, é algo que atormenta uma grande parcela da humanidade.
Aproveitando disto o inimigo do homem, cumpre sua tríplice função: Matar, Roubar e Destruir.
É isto mesmo. O diabo mata nossa humanidade. Rouba nossa Paz de espírito e destrói nossa vontade de viver. Eis aí, a explicação

domingo, 18 de maio de 2014

DOMINGO DIA 18 DE MAIO DE 2014.


 
Portas Abertas
 
Não é usual, do ponto de vista literário, um título como este. Mas, a literatura não segue regras, em termos de liberdade de criação. Portanto, é possível refletirmos sobre este dia singular e que não se repetirá mais aos longo de nosso futuro.

Podemos dizer que neste momento

sexta-feira, 16 de maio de 2014

Um programa de computador gratuito para gerenciar sua igreja.



Tela do Discipulus

Um programa de computador para gerenciar sua igreja.
Jonas Dias de Souza


Na vida moderna é quase impossível não aplicar a tecnologia no gerenciamento. Na igreja não é diferente. Mas o custo será que torna possível às pequenas congregações manter um programa (software) para fazer este gerenciamento?

É claro que Deus não desampararia seu povo. E na sua onisciência  e onipotência, preparou discípulos que dominam a TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO para adequar ferramentas para os líderes eclesiásticos.

Exemplo disto é o  : DISCIPULUS


O programa pode ser baixado  de forma gratuita e possui uma interface fácil de trabalhar. O melhor é que ele não possui restrições quanto à sua distribuição, o que facilita sua divulgação para as congregações de um ministério.

Obviamente, sua eficiência irá depender da disciplina em alimentá-lo com os dados colhidos.



Entre os recursos disponíveis temos:

segunda-feira, 12 de maio de 2014

ALÉM DA INTELECTUALIDADE TEOLÓGICA: O SOFRIMENTO PAULINO INSPIRANDO A IGREJA MODERNA.



 ALÉM DA INTELECTUALIDADE TEOLÓGICA: O SOFRIMENTO PAULINO INSPIRANDO A IGREJA MODERNA.
Jonas Dias de Souza

O apóstolo aparece pela primeira vez no livro de Atos, ou ainda Atos dos apóstolos, e para outros eruditos Atos do Espírito Santo. Esta primeira aparição que se dá no cap 7:58, nos mostra ele com seu nome hebraico “Saulo”. Aprendemos que Saulo nasceu em Tarso, na Cilícia, uma cidade cuja localização ficava na Ásia menor, onde hoje se localiza (segundo estudiosos) o Sul da Turquia. O fato de ser mencionado como “um jovem” no episódio do apedrejamento de Estevão, leva a dedução de que há enorme possibilidade de que ele seja mais novo do que Cristo. Herdeiro da tribo de Benjamim, teve a cidadania romana, por herança de família, mas não fica claro como sua família teria recebido ou adquirido esta cidadania. O fato é que o próprio apóstolo reivindica seu julgamento por César, com base neste