segunda-feira, 9 de dezembro de 2013

UM ESTUDO SOBRE O SALMO 1: CONSELHOS PARA A JUVENTUDE.



Divulgador da palavra
Salmo 1

UM ESTUDO SOBRE O SALMO 1: CONSELHOS PARA A JUVENTUDE.
Jonas Dias de Souza[1]
Todos desejamos que os nossos filhos nos obedeçam. Quando queremos o melhor para nossos filhos e eles não ouvem os nossos conselhos ficamos por vezes frustrados.
Ainda mais quando os vemos caminhando ao lado de pessoas que correm o risco de levá-los por um caminho pouco seguro. São as chamadas “más companhias”, parece ser próprio da juventude carregar consigo um pouco de rebeldia, mas, no fundo não sabem o quanto seus impulsos podem por vezes levá-los a enfrentar situações  desnecessárias e que provocam sofrimentos. Estas influências ocorrem de maneiras
muito sutis, quase imperceptíveis. Mas o estrago que provocam é enorme. Principalmente para o jovem cristão, a pressão do grupo é um facilitador para que este se afaste da igreja. Oportuno é lembrar, às igrejas que proporcionem atividades para seu corpo de jovens com vistas à sua interação e integração, o que criará raízes. É necessário que haja atividades, digamos, extra-culto, e que envolvam tanto a palavra de Deus quanto a socialização dos membros da igreja. Neste sentido a Palavra de Deus traz muitos conselhos e exortações para o andar correto diante de Deus. Como conseqüência, andar correto e protegido no mundo. Vale lembrar que o crente em Cristo está no mundo, mas não pertence ao mundo.
O Salmo de número 1, começa esta série de conselhos, e é voltado principalmente para a juventude, muito embora haja pessoas que embora possua uma idade avançada, é despida de sabedoria de vida. Isto porque conforme sabemos, a verdadeira sabedoria é firmada sobre o conhecimento da Palavra de Deus, e não em meros diplomas acadêmicos.

Salmo 1
“Bem- aventurado o varão que não nada segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores.” (Sl 1.1)
Aquele homem que não segue o conselho de pessoas ligadas na maldade, e nem estaciona junto aquelas pessoas que não amam ao próximo e nem participa de conversa fiada junto aos amigos, este homem é digno de sucesso.  Pio, no latim significa caritativo, piedoso, devoto. Quando colocamos o prefixo “in” na frente de “Pio”, estamos retirando a qualidade. Portanto, pessoas que não são caridosas, não merecem a nossa companhia.
As bênçãos vêm por causa de comportamento adequado, apropriado para pessoas civilizadas e temerosas da Palavra do SENHOR. Este salmo está ligado ao salmo 32. O perdão expresso naquele, torna possível alcançarmos as justas ações expressas neste.  Pessoas ímpias são inimigas de Deus e do seu povo.  Contudo, é bom lembrar que inúmeras frases que falam dos ímpios tornaram-se idiomáticas, ou seja, não é possível explicá-las utilizando o sentido literal.
“Antes tem o seu prazer na lei do SENHOR, e na sua lei medita de dia e de noite.” (Sl1. 2)
Ao contrário do “PIO” o  “ímpio” não encontra prazer na reflexão sobre os ensinamentos contidos na bíblia. O cristão medita na Lei do SENHOR de dia e de noite. Esta reflexão diuturna sobre os ensinos de Cristo é que o fazem sal da terra e luz do mundo. Nós podemos aprender a seguir a Deus ao meditarmos em sua palavra.
Devemos ter um tempo para estudarmos a bíblia e nos perguntarmos: Em que devemos mudar?  Pessoas que não são guiadas por Deus vivem uma vida sem sentido e são levadas por brisas doutrinárias.
“Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto na estação própria, e cujas folhas não caem, e tudo quanto fizer prosperará.” (Sl 2.3)
A água é aquilo que mais precioso há para a humanidade, depois da salvação em Cristo. Imagine uma árvore que está próxima de um riacho e suas raízes em contato com a vida. Ela não tem dificuldade com o sol escaldante, ou com o mormaço do verão. O varão que se cerca de pessoas boas, é comparado a esta árvore. Quanto mais nos firmarmos na Palavra de Deus, mais certeza teremos em nossas decisões diárias sobre a vida. Sobre as finanças, sobre o trabalho. Enfim, a verdadeira prosperidade acompanha o cristão. Quanto mais nos diligenciarmos em obedecer a Deus, mais prosperidade teremos.  Isto não significa que não podemos ter contato com aqueles que não acreditam na palavra de Deus. É imprescindível termos um contato com eles para testemunharmos de Deus. Contudo, não devemos compartilhar ou imitar seus comportamentos pecaminosos. “Se você quer o desespero, fique junto aos pecadores e escarnecedores; mas se deseja a benção de Deus, faça amizade com aqueles que amam o Senhor e a sua palavra.” (BAP 738)
“Não são assim os ímpios, mas são como a moinha que o vento espalha.” (Sl 1.4)
Lembro de quando criança minha mãe plantava feijão em nosso quintal. E numa dessas limpezas tínhamos que pegar o feijão e colocar em uma peneira. E quando jogávamos o feijão para o alto, aquelas pequenas cascas era levada pelo vento. Tal fato acontecia também com o amendoim. Quando após torrado desejamos separar aquela película vermelha do amendoim, balançamos e assopramos. Este processo é chamado de debulha e joeiramento. Por serem muito leves, estas impurezas eram levadas pelo ar. Neste processo o grão que é bom cai de novo na peneira.  Esta moinha é uma alegoria das pessoas ímpias que são levadas sem direção. O ser humano que está escudado no SENHOR e que aqui é representado pelo grão bom, pode escolher o seu caminho.
“Pelo que os ímpios não subsistirão no juízo, nem os pecadores na congregação dos justos.” (Sl1. 5)
O resultado de uma vida de impiedade é a perdição eterna, no lago de fogo e enxofre. Vale a pena conferir Apocalipse 20.11-15
“Porque o SENHOR conhece o caminho dos justos; mas o caminho dos ímpios perecerá.” (Sl1. 6)
Nesta vida existem apenas dois caminhos a ser seguidos, e nossa atitude com Cristo é que irá determinar a nossa sorte pela eternidade.

LEIA TAMBÉM:A falibilidade dos planos e projetos da natureza humana.


[1] Servo de Deus. Congrega na Assembleia de Deus Missões em São João Del-Rei/MG. Licenciado em Filosofia pela UFSJ. Estudante do 1º ciclo da Graduação livre em Teologia pela EETAD.

13 comentários:

  1. Muito edificante este estudo. Que o senhor Jesus possa abençoar abundantemente a sua família.

    ResponderExcluir
  2. Edificante ! Deus continue te abençoando!

    ResponderExcluir
  3. mt bom estudo amei Deus abençoe

    ResponderExcluir
  4. A paz de Jesus Cristo, parabéns por deixar bem claro a existência do inferno, enxofre e o lago de fogo (Apocalipse 20.11-15), Esta em estinçao, não se vê mais pregações sobre o inferno nas igrejas assembleia de Deus.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade! Grande parte das igrejas de hoje em dia têem receio de falar do inferno, sobre pretexto de desagradar gregos e troianos. Com isso, muitos estão deixando de pregar a verdadeira Sã doutrina, e estão incorrendo no erro de muitos, que é pregar meias verdades. Um detalhe: Como disse o Pastor Silas Malafaia, Jesus Cristo falou mais a cerca do Inferno, do que do Céu. Portanto, devemos pregar Cristo como Único e suficiente Salvador, Como Único Caminho para o Céu, e como única Verdade que nos Faz Justiça perante o Pai. Mas também devemos pregar sobre o Inferno e para onde todos que a Jesus Rejeitar, irão. Devemos agradar a Deus e não aos Homens! Portanto, é nossa obrigação como Cristãos Autênticos pregar o Evangelho em toda a sua Plenitude e Essência, e não com meias verdades. "Os ímpios serão lançados no inferno, e todas as gentes que se esqueçem de DEUS". (Salmo.9:17).

      Excluir
  5. A paz de Jesus Cristo, parabéns por deixar bem claro a existência do inferno, enxofre e o lago de fogo (Apocalipse 20.11-15), Esta em estinçao, não se vê mais pregações sobre o inferno nas igrejas assembleia de Deus.

    ResponderExcluir
  6. A paz de Jesus Cristo, parabéns por deixar bem claro a existência do inferno, enxofre e o lago de fogo (Apocalipse 20.11-15), Esta em estinçao, não se vê mais pregações sobre o inferno nas igrejas assembleia de Deus.

    ResponderExcluir
  7. Muito obrigado. Parabéns pelo artigo explicativo, foi de muita valia.

    ResponderExcluir
  8. A paz do senhor Jesus a todos irmãos e irmãs. Irmão Jonas,sê tu uma bênção.

    ResponderExcluir
  9. A paz do senhor Jesus a todos irmãos e irmãs. Irmão Jonas,sê tu uma bênção.

    ResponderExcluir
  10. pra onde irei se só DEUS tem a palavra de vida eterna , AMO MT TUDO ISSO

    ResponderExcluir

Comente com Responsabilidade. Lembre-se da máxima, o nosso direito termina onde começa o direito do outro. Além de tudo, mesmo que divergentes em opiniões, somos Cristãos.