quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

O CONVENCIMENTO DO ESPÍRITO SANTO


O CONVENCIMENTO DO ESPÍRITO SANTO

      1. DO PECADO:Ouvindo eles estas coisas, compungiu-se-lhes o coração e perguntaram a Pedro e aos demais apóstolos: Que faremos irmãos? (Atos 2:37)
        Após o discurso de Pedro inúmeras pessoas se converteram, totalizando quase três mil pessoas em um só dia.
“Enquanto calei os meus pecados, envelheceram os meus ossos pelos meus constantes gemidos todo o dia. Porque a tua mão pesava dia e noite sobre mim, e o meu vigor tornou-se em sequidão de estio. Confessei-te o meu pecado e a minha iniquidade não mais ocultei.
Disse: Confessarei ao SENHOR as minhas transgressões; e tu perdoaste a iniquidade do meu pecado.” (Salmo 32: 3-5)

      1. DA JUSTIÇA:Dissertando ele acerca da justiça, do domínio próprio e do juízo vindouro, ficou Félix amedrontado e disse: Por agora, podes retirar-te,e, quando eu tiver vagar, chamar-te ei.” (Atos 24: 25)
        O apóstolo Paulo discursou diante de Félix e Drusila falando da Justiça que vale diante de Deus.
      2. DO JUÍZO:porquanto estabeleceu um dia em que há de julgar o mundo com justiça, por meio de um varão que destinou e acreditou diante de todos, ressuscitando-o dentre os mortos” (Atos 17:31)
      3. DA INCREDULIDADE:Quando ele vier, convencerá o mundo do pecado, da justiça e do juízo: do pecado, porque não creem em mim;
        da justiça, porque vou para o pai e não me vereis mais;
        do juízo, porque o príncipe deste mundo já está julgado.” (João 16: 8-11)


(Bíblia Almeida Revista e Atualizada)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com Responsabilidade. Lembre-se da máxima, o nosso direito termina onde começa o direito do outro. Além de tudo, mesmo que divergentes em opiniões, somos Cristãos.