sábado, 3 de novembro de 2012

Sete promessas de Deus para os Cristãos encontradas no Evangelho de João.

Sete promessas de Deus para os Cristãos encontradas no Evangelho de João.
Historiadores e estudiosos da Bíblia, situam o Evangelho de João por volta de 95 A.D., e afirmam que o autor tinha cerca de 95 anos de idade. Considerando que era contemporâneo de Jesus, o Cristo, não vemos dificuldade em aceitarmos esta afirmação.
Consideradas as práticas de impressão do livro de João, em porções separadas da Bíblia, esta é talvez
, a peça literária de maior circulação em todo o mundo. João, irmão de Tiago, filho de Zebedeu, é também o autor de mais quatro livros da Bíblia.
Encontramos em João, um retrato espiritual de Cristo. Vocacionado por Deus, ele apresentou Jesus, como o verdadeiro filho de Deus, que embora revestido de carne humana por um curto espaço de tempo, não perdeu a sua Divindade. Cristo é a segunda pessoa da Trindade, Pré-existente e eterna na sua plenitude. A Peça literária Joanina, apresenta a divindade de Cristo com persistência e provas definitivas.  Podemos considerar a chave de João, como sendo: “Na verdade, fez Jesus diante dos discípulos muitos outros sinais que não escritos neste livro. Estes porém, foram registrados para que creiais que Jesus é o Cristo, o Filho de Deus, e para que crendo, tenhais a vida eterna.” (João 20: 30-31)
Ao lermos o Evangelho de João, percebemos que todos os elementos insertos neste discurso da verdade, resumem numa declaração inequívoca de que CRISTO É DEUS. Além disto, encontramos passagens acerca da vida de Jesus, que não são mencionados nos outros Evangelhos. Daí, a sua importância para suplementar de forma positiva o nosso conhecimento acerca da divindade de Cristo, e sua indispensabilidade para a nossa Salvação.
Com escopo de facilitar o estudo e entendimento, apresentaremos em quadro as Sete promessas de Deus aos Cristãos, que podem ser encontradas no Evangelho de João. Convém tomarmos como base a seguinte afirmação: “Todo aquele que o Pai me dá, esse virá a mim; e o que vem a mim, de modo nenhum o lançarei fora.” (João 6:35)
1)      Não se perderão
“Porque Deus amou ao mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.
Porquanto Deus enviou o seu filho ao mundo, não para que julgasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por Ele” (João 3:16-17)

2)      Não terão mais sede
“Aquele, porém, que beber da água que eu lhe der nunca mais terá sede; pelo contrário, a água que eu lhe der será nele uma fonte a jorrar para vida eterna.” (João 4:14)

3)      Não entrarão em Juízo
“Em verdade, em verdade vos digo: quem ouve a minha palavra e crê naquele que me enviou tem a vida eterna, não entra em juízo, mas passou da morte para a vida”. (João 5:24)

4)      Não terão mais fome
“Declarou-lhes, pois Jesus: Eu sou o pão da vida; o que vem a mim jamais terá fome; e o que crê em mim jamais terá sede.” (João 6: 35)

5)      Jamais estarão nas trevas
“De novo, lhes falava Jesus, dizendo: Eu sou a luz do mundo; quem me segue não andará nas trevas; pelo contrário, terá a luz da vida” (João 8:12)

6)      Não perecerão
“Eu lhes dou a vida eterna; jamais perecerão, e ninguém as arrebatará da minha mão.” (João 10:28)

7)      Nunca mais morrerão
“E todo o que vive e crê em mim não morrerá, eternamente. Crês isto? ” (João 11: 26)


                Se observarmos, as promessas são para os Cristãos. Portanto aqueles que não aceitam a Cristo, não terão participação nestas maravilhosas promessas.
O que você quer para a sua vida? Aceite a Cristo. Convide-o a entrar na sua vida e passe a ter direito nestas dádivas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com Responsabilidade. Lembre-se da máxima, o nosso direito termina onde começa o direito do outro. Além de tudo, mesmo que divergentes em opiniões, somos Cristãos.