domingo, 4 de novembro de 2012

As Seis impossibilidades na vida do Homem

As Seis impossibilidades na vida do Homem.
Existem coisas que são impossíveis para o Homem. O Homem que coxeia entre dois pensamentos, ou entre a vida cristã e a mundana, está fadado à ruína.
Vejamos a definição :
verbo:  transitivo indireto e intransitivo
1             caminhar com dificuldade, apoiando-se com mais freqüência em uma das pernas por defeito físico ou por qualquer lesão temporária; claudicar, mancar
Ex.: <coxeava visivelmente de um pé> <após a operação, começou a c.>
 intransitivo
2             Derivação: sentido figurado.
apresentar hesitação (diante de alguma coisa); hesitar, vacilar
Ex.: ante o problema, coxeava
Coxear nada mais é do que mancar, é como se andássemos num eterno “aqui está raso, aqui está fundo”. Andar entre dois caminhos é antinatural, e por conseqüência anti-espiritual.
Vejam seis impossibilidades:
1)      Aquele que não nascer de novo, não poderá ser salvo.
Jesus respondeu e disse-lhe: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer de novo não pode ver o Reino de Deus. (João 3:3)
2)      Homens carnais não podem agradar a Deus
Portanto, os que estão na carne não podem agradar a Deus.
(Romanos 8:8)
3)      Uma boa árvore não pode produzir maus frutos
Não pode a árvore boa dar maus frutos, nem a árvore má dar frutos bons.
(Mateus 7:18)
4)      Ninguém pode servir à Deus e às riquezas.
Ninguém pode servir a dois senhores, porque ou há de odiar um e amar o outro ou se dedicará a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom.
(Mateus 6:24)
5)      Perdidos não podem (Fugir após a condenação) escapar do inferno.
E, além disso, está posto um grande abismo entre nós e vós, de sorte que os que quisessem passar daqui para vós não poderiam, nem tampouco os de lá, passar para cá.
(Lucas 16:26)
6)      Salvos não podem perder-se
As minhas ovelhas ouvem a minha voz, e eu conheço-as, e elas me seguem;
  e dou-lhes a vida eterna, e nunca hão de perecer, e ninguém as arrebatará das minhas mãos.  (João 10: 27-28)

A escolha é somente nossa.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com Responsabilidade. Lembre-se da máxima, o nosso direito termina onde começa o direito do outro. Além de tudo, mesmo que divergentes em opiniões, somos Cristãos.